sexta-feira, 29 de abril de 2011

D., meu querido marido,

este fim-de-semana vais ficar sozinho.
Sim, eu sei que é um cenário assustador. É a primeira vez que ficas em casa sozinho, que dormes nesta cama sem mim e que não tens ninguém que te empurre da cama para ir trabalhar.
Espero que sejas um homenzinho. Assim com´ós crescidos.
Não te esqueças de lavar os dentes e trancar a porta. Deixo-te refeições no frigorífico e pão fresco.
Agradeço que não deites a casa abaixo enquanto eu estiver fora. Tenta evitar, tanto quanto possível, entornar coisas no sofá ou no tapete, vai deitando o lixo fora, não ponhas copos em cima da mesa da sala, lembra-te que não vou estar cá para tirar de cima da cama a tua toalha molhada e que, se não o fizeres, dormes geladinho. Ou no sofá.
Se saíres, fecha a porta e as janelas. Volto na segunda, cheia de saudades.

Ps- Ah! Agradeço, também, que não ponhas nenhuma substituta no meu lugar da cama. Quer dizer, se quiseres convidar a tua mãe, nada contra, sempre tens alguém que te faça a sopa!

1 comentário:

  1. Hehe... Vamos lá ver se o teu D. vai cumprir com as recomendações. :P

    ResponderEliminar